SNAPCHAT QUER MOSTRAR ANÚNCIOS BASEADOS EM SUAS FOTOS

separator

 

snapchat0

 

Fazendo um snap de uma caneca de café? Adicionando um filtro com um logotipo Starbucks para realmente completar o quadro ?

Em breve isso tudo será possível no Snapchat , de acordo com o pedido de nova patente que a empresa apresentou em janeiro do ano passado.

O documento, se tornado público na semana passada e foi visto pela primeira vez pelo Business Insider, com base nos planos na empresa nas redes socias eles desenvolveram o serviço afim de oferecer filtros especiais que são capazes de reconhecer uma determinada imagem e adicionar o que ela precisa.

Por exemplo , a empresa explica , um tiro do Empire State Building pode acionar a opção de um filtro em que o King Kong está abraçando a torre, golpeando aviões com uma vítima na mão.

Esse filtro pode mudar os ângulos , dependendo de onde você está parado em relação à estrutura e inclui animações ou efeitos sonoros.

snap

 

Mas as ambições da empresa não terminam somente com essas aplicações lúdicas; também há dinheiro a ser feito em identificar o assunto de suas fotos.

Talvez uma foto de uma tigela de sopa em um restaurante pode solicitar um cupom para outro item de menu ou de um resumo de informações nutricional, Snapchat propõe. Restaurantes poderiam até mesmo oferecer o equivalente digital de um cupom, em que um certo número de pedidos de um determinado produto ganharia a Snapchatter recompensa.

Muito parecido com o programa AdWords do Google, em que as empresas podem anunciar em torno de um determinado termo de pesquisa, Snapchat imagina anunciantes oferecendo anúncios para objetos do seu cotidiano específico. A empresa alega também que pode ligar o sistema em sua nova publicidade API (interface de programação de aplicativo) de modo que as marcas poderiam facilmente comprar os anúncios com software de terceiros.

Snapchat atualmente só é capaz de oferecer o serviço de sobreposição de fotografia – conhecido como um geofilter – com base na localização do seu telefone.

Dado que Snapchat já construiu tecnologia de reconhecimento de imagem para a função de pesquisa do seu novo update Memórias, a proposta parece, pelo menos, plausível. No entanto, como acontece com todas as patentes, sempre há uma chance a tecnologia descrita nunca será realizada.

Outros gigantes de publicidade online como o Facebook e o Google também estão correndo para reconhecer e catalogar o conteúdo enormes de fotos hospedadas ou indexados em seus respectivos sites. Mas a integração dos anúncios em fotos e vídeos de seus usuários de Snapchat diferencia da maioria dos seus concorrentes.

A empresa, atualmente no valor de quase US $ 18 bilhões, está trabalhando para aumentar a receita de até $ 500 milhões a $ 1 bilhão por ano no próximo ano com uma série de novos produtos de anúncios, incluindo a sua nova API.

Tem algo a acrescentar a esta história? Compartilhe-o nos comentários.

Fonte: Mashable
Texto: Patrick Kulp
Tradução: OS3 Estúdio